Calamity Atelier

Início em 26/11/2018 até 20/02/2019

Categorias: 02 fevereiro2019

BRIEF

 

O Olimpo, o Ararat, o Sinai: em qualquer cultura, em qualquer religião, as montanhas sempre representaram o ponto de encontro com o divino. É lá, onde a terra alcança o céu, que o homem sempre encontrou um significado diferente, um espaço místico de contato com o invisível, com a transcendência: o lugar onde as aventuras humanas culminam e é possível obter respostas aos enigmas mais complexos.
Num mundo que tem cada vez menos espaços de sacralidade, as montanhas ainda representam um limite inviolado, um limiar de difícil acesso, onde as estruturas humanas lutam para minar os equilíbrios ancestrais que ainda podem despertar experiências preciosas.
Uma dessas experiências é, sem dúvida, Arte Sella.

Estreita entre dois picos rochosos, há mais de 30 anos Arte Sella traz os nomes mais surpreendentes da arte contemporânea e arquitetura às montanhas do homônimo vale: génios criativos que deixaram as suas marcas aqui, gerando o caminho de arte-natureza mais importante do mundo.
Mas as montanhas podem ser instáveis e a natureza, como é sabido, pode ser mãe e madrasta. A noite de 29 de Otubro de 2018 uma tempestade sem precedentes afetou Arte Sella, quebrando hectares de florestas seculares e deixando para trás uma devastação de lama, raízes arrancadas e árvores derrubadas.
Ferida e profundamente danificada, hoje mais do que nunca Arte Sella precisa de criatividade e planejamento: é por isso que a YAC tem o prazer de apresentar Calamity Atelier, a competição para regenerar o maior parque artístico do mundo contemporâneo, através de um sistema de ateliê e obras arquitetónicas orientadas para facilitar o retorno de artistas e visitantes entre estas montanhas.

Que espaços construir para os maiores artistas do mundo? Como facilitar, através da arquitetura, o retorno a lugares duramente afetados por uma catástrofe natural?
Nas montanhas destruídas pela tempestade, os arquitetos poderão imaginar um sistema de obras que visa restaurar o charme e a beleza dum dos mais extraordinários contextos de experimentação artística do mundo. As intervenções visarão transformar o lugar num santuário moderno, um verdadeiro destino de peregrinação de visitantes e artistas que, estação após estação, poderão contribuir para o renascimento do parque, no ciclo infinito da natureza aqui representada por uma das suas expressões mais imprevisíveis e magniloquentes: as montanhas.

YAC agradece todos os candidatos que queiram aceitar este desafio.

 

PROGRAMA

Embora a recente tempestade tenha redefinido – estendendo – as margens de intervenção em Arte Sella, o complexo de Malga Costa já há muito tempo tem sido objecto de reflexões destinadas a implementar a oferta cultural e as estruturas arquitetónicas ao serviço do parque. As intervenções arquitetónicas promovidas pelo concurso não devem apenas ampliar as oportunidades de visita e permanência no parque, mas devem compensar uma oferta cultural e naturalista fortemente prejudicada pela recente calamidade. Nesse sentido, a arquitetura deverá constituir um suporte à arte e à natureza, defi- nindo uma série de intervenções que podem se tornar numa fonte de atração útil ao parque nesta nova fase da propria oferta cultural. Qualquer intervenção também terá que lidar com o ADN de Arte Sella, isto é, o diálogo profundo e respeitoso com os elementos da natureza, musa e demiurgo do charme de Arte Sella, protagonista e inspirador das obras hospedadas no parque. Aqui, a contemporaneidade terá que entrar na ponta dos pés e ser capaz de estabelecer uma relação refinada, quase um namoro, com a natureza circundante para a gera- ção de atmosferas evocativas e cheias de significado. A seguir, são sugeridos os diferentes usos que poderão resultar do projeto, sublinhando que a composição des- ses cenários, a sua integração ou alteração, e o enfoque sobre um deles ou sobre outro, fará parte integrante do concurso e será plenamente reconhecida como livre es- colha do concorrente.

1. Atelier: qualquer artista convidado para Arte Sella viveu a sua experiência de interiorização e conhecimen- to do parque e da cabana. Tais objetos arquitetónicos terão que garantir o instrumento para oferecer aos ar- tistas a possbilidade de experienciar o parque de uma forma completamente imersiva, em qualquer momen- to e por qualquer tempo, desde a longa contemplação dum céu noturno, até a possibilidade de parar no Arte Sella durante inverno. Tais objetos terão que constituir o elemento onde o artista pode ser contaminado pelo parque, e aqui criar a sua obra: um atelier de artesanato refinado e elegante colocado numa natureza monumental, e destinado a abrigar os mais prestigiosos nomes da arte contemporânea (5 no total, dimensões máximas de 100 metros quadrados cada, localizadas nas áreas indi- cadas no arquivo dwg);

2. Museu das obras desaparecidas: um lugar apto a preservar a memória e os vestígios das obras que desapareceram em Arte Sella, onde são preservados os restos do que foi destruído nos recentes eventos climáticos ou aqueles do que foi removido durante a natural evolução e renovação do parque. Um lugar de memória, onde são expostas as lembranças das experiências de artistas e criativos cujas intervenções voltaram a ser parte da natureza, mas que permaneceram no parque contribuindo de forma única ao património cultural do Arte Sella. (max 500 mq, localizado na área indicada no arquivo dwg);

3. Auditório/oficina: um lugar permeável, que possa ficar aberto no verão e fechar nos momentos mais frios. Um local flexível e modular, criado para apoiar a reali- zação de iniciativas artísticas e culturais das quais Arte Sella é criadora e promotora constante. Oficinas, con- certos, conferências, performances e áulas são apenas algumas das oportunidades que essa arquitetura terá que satisfazer, num lugar criado para dialogar com a arte e se misturar com a natureza. (max 500 mq; a ser colocado na área indicada no arquivo dwg);

4. Expansão da área restaurante: o crescente número de convidados e visitantes de Arte Sella, bem como a complexa acessibilidade dos lugares, impõem a necessidade de uma crescente oferta de refeições para os visitantes. Neste sentido, é essencial expandir a área dedicada ao restaurante, tendo o cuidado de definir um espaço que seja em harmonia com a arte, a natureza e as arquiteturas existentes. Para este objeto são válidas as considerações feitas para o auditório/oficina (máx. 200 mq, a ser colocado na área indicada no arquivo dwg).

 

PRÉMIOS

 

1° Prémio – 8.000 €
Todas as propostas premiadas vão ser transmitidas em revistas e em sítios de arquitetura e vão ser expostas em exposições internacionais.

Prémio – 4.000 €
Todas as propostas premiadas vão ser transmitidas em revistas e em sítios de arquitetura e vão ser expostas em exposições internacionais.

Prémio – 2.000 €
Todas as propostas premiadas vão ser transmitidas em revistas e em sítios de arquitetura e vão ser expostas em exposições internacionais.

n. 2 “GOLD” Menção – 500 €
Todas as propostas premiadas vão ser transmitidas em revistas e em sítios de arquitetura e vão ser expostas em exposições internacionais.

10 Menções Honrosas
Todas as propostas premiadas vão ser transmitidas em revistas e em sítios de arquitetura e vão ser expostas em exposições internacionais.

 

CALENDÁRIO

 

Inscrições “Early Bird” *

6 Novembro 2018

23 Dezembro 2018

Inscrições “standard” *

24 Dezembro 2018

20 Janeiro 2019

Inscrições “late” *

21 Janeiro 2019

17 Fevereiro 2019

Entrega Projetos
20 Fevereiro 2019

Reunião Júri
25 Fevereiro 2019

Publicação Dos Resultados
25 Março 2019

 

*+22% VAT. Esclarece-se que a distinção entre inscrição “Early bird”, “Standard” o “Late” não tem nenhuma influência na data estabelecida para a entrega dos projetos.

 

INSCRIÇÃO

O procedimento de inscrição é informatizado:
• aceder à página we da competição;
• entrar na área de inscrição;
• preencher os campos obrigatórios;
• ao término do processo, ao primeiro membro da equipa chegará um e-mail de confirmação com o código da equipa (“teamID”, atribuído de maneira automática e casual); verificar em “spam” no caso de não o ter recebido na “caixa de entrada”;
• vão receber um nome de utilizador, uma senha e um link; abrir o link para enviar à YAC a confirmação da inscrição;
• confirmar a pré-inscrição e acceder à área para efetuar o pagamento;
• depois, e só depois, de ter feito a pre-inscrição e o pagamento será possível carregar o documento;
• aceder à página; inserir o nome de utilizador e a palavra-passe; carregar o material; ao primeiro membro da equipa será enviado um email a confirmação; (controlar na caixa “spam”).

É recomendável efetuar os procedimentos com prudente antecipação relativamente aos prazo estipulados.

 

Mais informações consulte o regulamento disponível no pdf ou envie e-mail para: yac@yac-ltd.com

 

LINKS
ESPECIFICAÇÕES
  • Tema: Calamity Atelier
PDFS
VÍDEOS
Galeria
concursos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

3DHR Multimédia

Desenvolvemos projetos em 3D para arquitetura e design interiores

Subscrever Newsletter

Já subscreveu a nossa newsletter?