Lançamento do livro “Maputo. (auto)organização e forma-dinâmica urbana”

Início em 26/11/2019 até 26/11/2019

Categorias: outros

Este livro apresenta uma nova abordagem na análise morfológica – a metodologia Trac(k)ing – e estuda Maputo através da sua aplicação, com métodos qualitativos e quantitativos que descrevem a influência da configuração urbana na vida social. A apropriação é mapeada no continuum espacial, identificando padrões e tornando explícita a correlação entre relações espaciais, a perceção e os sistemas da capital moçambicana. É revelada a interdependência entre atividades, tecido urbano e malha viária em novas cartografias daquela cidade, traduzindo uma visão crítica do paradigma dominante no planeamento urbano. É indicado como combinar diferentes procedimentos no estudo da urbanização em Maputo considerando os contrastes socio-morfológicos que revela. Da questão central do livro — Como se ajustam instrumentos formais de análise urbana a processos informais de transformação da forma urbana? — resulta uma aproximação à morfologia urbana que a equaciona a partir da respetiva auto-organização e forma-dinâmica, expressas no diálogo entre estruturas planeadas e contextos de informalidade.

 

A apresentação desta obra, da autoria de David Leite Viana, ficará a cargo de Álvaro Domingues, geógrafo, professor na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP) e investigador no grupo de pesquisa sobre Morfologias e Dinâmicas do Território do Centro de Estudos de Arquitectura e Urbanismo (CEAU-FAUP). Na sessão estarão presentes e intervirão, também, a Vice-Reitora da U.Porto para a Cultura, U.Porto Edições e Museus, Professora Fátima Vieira, e o próprio autor.

 

Em Maputo. (auto)organização e forma-dinâmica urbana David Leite Viana estuda a capital moçambicana com recurso a uma nova abordagem na análise morfológica – a metodologia Trac(k)ing – e a métodos qualitativos e quantitativos que descrevem a influência da configuração urbana na vida social. A partir da questão central do livro –  Como se ajustam instrumentos formais de análise urbana a processos informais de transformação da forma urbana? — surge uma abordagem à morfologia urbana que a equaciona a partir da respetiva auto-organização e forma-dinâmica, expressas no diálogo entre estruturas planeadas e contextos de informalidade.
Neste livro o autor revela a interdependência entre atividades, tecido urbano e malha viária em novas cartografias daquela cidade, traduzindo uma visão crítica do paradigma dominante no planeamento urbano.

David Leite Viana é cofundador e coordenador científico do International Symposium Formal Methods in Architecture. Foi responsável pela direção de cursos e departamentos de arquitetura e urbanismo em diferentes escolas e liderou um grupo de pesquisa em urbanismo, ambiente e território.


ENTRADA LIVRE

 

Local
Auditório da Casa Comum – Reitoria da Universidade do Porto

Data . Hora
26 NOV ’19 . 18:30

Informações adicionais:
U.Porto Edições|220 408 068|editup@reit.up.pt|http://edicoes.up.pt

LINKS
ORADORES
  • Álvaro Domingues
ESPECIFICAÇÕES
  • Lançamento do livro: Maputo (auto)organização e forma-dinâmica urbana
Galeria
eventos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

BMI Portugal

Garantimos soluções eficientes para coberturas  

Vulcano

O parceiro certo para um apoio total