Álvaro Siza Vieira e Carlos Castanheira inauguram Museu na China

Categorias: Arquitetura

No próximo dia 21 de Novembro, vai ser inaugurado o MOAE – Humao Museum of Art and Education, em Dongquian Lake,  Ningbo , China, um projecto com assinatura dos arquitectos portugueses Álvaro Siza e Carlos Castanheira.

 

Depois da inauguração, em 2018, do China Design Museum – Bauhaus Collection, em Hangzhou, China – um Museu com 16 000 m2, a convite da CAA – Chinese Academy of Arts, é a vez de Ningbo receber o edifico desta parceria com o MOAE – Humao Museum of Art and Education, que alberga uma colecção de arte particular.

 

O trabalho dos arquitectos Álvaro Siza e Carlos Castanheira, na Ásia, iniciou-se com um Pavilhão na Coreia do Sul, em 2005. Desde então, a obra de ambos tem sido profícua neste continente, como aliás confirma a exposição “Orient Express – Viagem de Retorno”, patente na Fundação de Serralves desde finais de Janeiro de 2019 e que poderá ser visitada até 6 de Dezembro de 2020.

 

De 2005 até hoje, Álvaro Siza e Carlos Castanheira são autores de vários edifícios na Coreia do Sul, China e em Taiwan.

 

Destaque para alguns projectos: Mimesis Museum (4.000 m2) Paju Book City, Coreia do Sul; Amore Pacific – Resarch & Design Center (26.092 m2), Yongin-Si- Geyeonngi -do, Coreia do Sul, projecto distinguido com o Prémio “MIZIUM Building Best Architecture of the year 2011”.

 

Casa em Jeju (834 m2), ilha de Jeju, Taiwan, também na Coreia do Sul;  Building on the Water (14.000 m2), Huai´an, China – projecto premiado em 2015 pela Archdaily – na categoria de “Office Building of the year” e um dos candidatos ao “Prémio Secil 2019”;  Taifong Golf Club- Reception House (3.500 m2) e Elite Club House(8.553 m2), ambos em Taiwan, entre outros.

 

Álvaro Siza e Carlos Castanheira deixam, com mais este edifício, uma marca indelével na arquitectura oriental.

© DI

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Goma by Flowco

Azulejos ecológicos fabricados em Portugal

Archicad 24

Clique aqui para saber mais.