Arquiteta Frida Escobedo é escolhida para projetar o Serpentine Pavilion de 2018

Categorias: Arquitetura

A Serpentine Gallery de Londres selecionou a mexicana Frida Escobedo como arquiteta responsável pelo projeto do Serpentine Gallery Pavilion 2018. Escobedo, conhecida por seus trabalhos que buscam ativar os espaços públicos, será a arquiteta mais nova a participar do programa do Serpentine Pavilion, iniciado em 2000. Sua proposta para o Hyde Park conta com um pátio fechado definido por dois volumes retangulares posicionados em ângulo. Explorando luz e água, o projeto pretende evocar a sensação da arquitetura doméstica mexicana, ao mesmo tempo que usa materiais e referências britânicas.

O pavilhão será construído com telhas de cimento escolhidas por sua textura e cor, empilhadas para formar uma celosia, uma espécie de parede permeável comum no México. Enquanto o pátio do pavilhão terá com uma piscina triangular, a parte inferior da cobertura da estrutura contará com painéis espelhados, criando um par de superfícies reflexivas que criam efeitos variados devido à mudança de posição do sol ao longo do dia. O pátio está alinhado com o eixo geográfico norte-sul em referência ao Meridiano Greenwich – confirmação da intenção projetual de que o pavilhão seja visto como um "relógio".

"Meu projeto para o Serpentine Pavilion 2018 é um encontro de inspirações materiais e históricas inseparáveis da própria cidade de Londres e uma ideia que tem sido fundamental para a nossa produção desde o início: a expressão do tempo na arquitetura através do uso inventivo de materiais cotidianos e formas simples", explicou Escobedo. "Para o Serpentine Pavilion, adicionamos os elementos luz e sombra, reflexão e refração, transformando o edifício em um relógio que descreve a passagem do dia."

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE