Arquiteta paisagista Teresa Andresen distinguida com Prémio Gonçalo Ribeiro Telles

Categorias: Arquitetura

A arquiteta paisagista e engenheira agrónoma Teresa Andresen venceu a 1.ª edição do Prémio Gonçalo Ribeiro Telles, destinado a uma personalidade que se tenha destacado pelo seu trabalho no ambiente e na paisagem, anunciou a organização.

Teresa Andresen é presidente da Associação Portuguesa dos Jardins Históricos e membro do Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, tendo dirigido o Instituto da Conservação da Natureza (1996-1998), o Parque da Fundação Serralves (2007-2009) e o Jardim Botânico do Porto (2007-2014).

O Prémio Gonçalo Ribeiro Telles para o Ambiente e a Paisagem será entregue na sexta-feira, em Lisboa, e é uma iniciativa do Instituto Superior de Agronomia da Universidade de Lisboa (no qual Teresa Andresen se licenciou e foi professora), da Causa Real, da Ordem dos Engenheiros e da Associação Portuguesa dos Arquitetos Paisagistas (da qual a premiada foi presidente).

A distinção, criada em 2019, terá uma periodicidade anual e homenageia o arquiteto paisagista Gonçalo Ribeiro Telles, de 97 anos, que integra o Conselho Monárquico da Causa Real, uma das entidades promotoras.

Teresa Andresen fundou o curso de Arquitetura Paisagista na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, que lecionou entre 2002 e 2014, e foi membro do Conselho Científico da Agência Europeia de Ambiente, de 2002 a 2008, tendo participado na elaboração da candidatura da Região Demarcada do Douro a Património Mundial da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

O prémio, que se traduz num troféu em forma de árvore da autoria do escultor Luís Cruz, será entregue numa cerimónia na Fundação Calouste Gulbenkian, que editou em 2005 um catálogo de uma exposição sobre arquitetura paisagista em Portugal nos anos 1940 a 1970 com textos de Teresa Andresen.

©Lusa

Foto ©Miguel Nogueira
Teresa Andresen com Sérgio Almeida (esq.) e Rui Moreira em 2014, na Casa da Música, no Porto, durante um encontro de homenagem à poeta Sophia de Mello Breyner Andresen, sobrinha da arquitecta paisagista

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Formação

Renderização e Pós-Produção Nível I

Workshop

Como Vender o Que Não Se Vê