Barra & Barreiros Arquitectos Associados vencem concurso para o conjunto habitacional em Oeiras

Categorias: Arquitetura
Os 8 trabalhos apresentados no âmbito do concurso público de conceção para a elaboração do projeto do conjunto habitacional em Leceia, Oeiras, promovido pela Câmara Municipal de Oeiras, com assessoria técnica da Secção Regional de Lisboa e Vale do Tejo da Ordem dos Arquitetos, foram apreciados pelo Júri e ordenados.
Conforme o Relatório Final de Júri, a proposta vencedora da autoria de Barra & Barreiros Arquitectos Associados, Lda “vai ao encontro das intenções e orientações programáticas apresentando um modelo urbano potenciador de uma nova centralidade, resolvendo o espaço público a diferentes escalas que interagem, na sua especificidade, de forma harmoniosa e respeitadora com a pré-existência, possibilitando novas experiências para o utilizador”.
O Júri valorizou ainda “dois momentos, que interagem de forma muito coerente e fluida, entre si e com a envolvente, nomeadamente, o espaço construído e espaço não construído. Desde logo pela criação de percursos pedonais; de praças; de espaços de permanência; de atravessamentos num diálogo permanente com a escala da pré-existência, concorrendo para uma apropriação disciplinada e adequada do utilizador final”.
A proposta da autoria de Miguel Marcelino, Arquitectura, Lda., classificada em 2º lugar, revela-se “bem enquadrada no que diz respeito à volumetria e implantação no terreno, bem como ao diálogo estabelecido entre os quatro volumes propostos.” O Júri acrescenta ainda que a solução observa “uma racionalidade no desenho tipológico que se associa ao sistema construtivo com elementos pré-fabricados que assumem uma repetição tecnológica privilegiando a otimização dos custos de construção e posterior manutenção, indo deste modo ao encontro do plasmado no programa preliminar.”
A proposta classificada em 3º lugar, da autoria de Inês Lobo Arquitectos, Lda apresenta “uma elevada racionalidade construtiva e uma adequada sistematização tipológica, afigurando-se como uma boa solução ao nível da posterior manutenção.” O Júri refere ainda que “do ponto de vista da implantação no terreno, a solução está adequada à topografia revelando preocupação na relação que estabelece com a envolvente construída.”

1º classificado
Concorrente: Barra & Barreiros Arquitectos Associados, Lda
Coordenação: José Augusto França Moreira Barra

2º classificado
Concorrente: Miguel Marcelino, Arquitectura, Lda.
Coordenação: Miguel Marcelino

3º classificado
Concorrente: Inês Lobo Arquitectos, Lda
Coordenação: Inês Varela Maia Lobo

Em breve será disponibilizada a publicação digital com todos os trabalhos no separador “publicações” da plataforma de encomenda.

Relatório final > AQUI

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Subscrever Newsletter

Já subscreveu a nossa newsletter?