Casa DT de Jorge Graça Costa recebe Prémio Internacional

Categorias: Arquitetura

A Casa DT do arquitecto Jorge Graça Costa recebeu o Prémio de Bronze na categoria “Green Applications” dos “GAVA Awards 2010”, um Prémio internacional que pretende distinguir “designers de todas as disciplinas com os mais inovadores conceitos,materiais e aplicações de designs inspirados ou que integrem o elemento Água”, anunciou o portal da Ordem dos Arquitectos Secção Regional Sul.

 

De acordo com a sinopse do projecto, a Casa DT é “um exemplo de aplicação dos princípios de eficiência energética na arquitectura. É um objecto simples, compacto, que integra tecnologias de construção acessíveis, com soluções de design inteligente e soluções de desenho adequadas ao enquadramento local, às suas características de exposição e clima”.

 

O projecto, continua a mesma fonte, “reflecte preocupações de utilização racional da água e consumo de energia, integrando soluções de aquecimento e arrefecimento passivo como uma alternativa a mais activa tecnologias energeticamente dependente”.

 

Relativamente à iluminação natural, a mesma “é potenciada pelas aberturas mais generosas que servem o piso térreo em conjunto com a luz reflectida da piscina, onde se localizam as zonas de maior permanência”.

 

O objectivo principal “foi a utilização da água da piscina como um elemento regulador térmico na arquitectura, utilizando a água como um elemento artístico plástico construído, enquadrado em uma estratégia de eficiência energética, com uma abordagem sustentável e ecológica”.

 

A colocação estratégica da piscina junto à fachada Sul, pode ler-se no portal da OASRS, “permite o arrefecimento do interior graças ao fenómeno de arrefecimento evaporativo em conjunto com as brisas marítimas que fazem sentir naquele local”, sublinhando que “a água da piscina, não utiliza tratamentos químicos para que possa ser reutilizada para outros fins”.

 

“O projecto da Casa DT demonstra bem como a eficácia energética resulta não tanto da exibição de meios – tecnológicos ou materiais – mas da sua capacidade em responder racionalmente às muitas exigências que a vivência humana lhe coloca”.

 

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Biblioteca BIM Leca ®

»