Dupla de jovens arquitetos AND-RÉ vence “Prémio Concreta Under 40”

Categorias: Arquitetura

Foi anunciado o vencedor da 2ª edição do Prémio Concreta Under 40 by CIN, que distingue um projeto assinado por um arquiteto português até aos 40 anos de idade.

A obra “CAA – Centro de Artes de Águeda” valeu o primeiro lugar e um prémio de 2.000 euros ao estúdio criativo AND-RÉ, formado pelos jovens arquitetos Bruno André e Francisco Salgado Ré, na 2ª edição do Prémio Concreta Under 40 by CIN. A decorrer no âmbito da 29ª edição da Concreta – Feira de Construção, Reabilitação, Arquitetura e Design, de 21 a 24 de novembro na Exponor, esta iniciativa tem como objetivo premiar o trabalho criativo e o pensamento disruptivo.

O projeto vencedor responde ao desafio de criar uma solução totalmente adaptada ao contexto, não só físico, mas também cultural, económico e político. O edifício, com 4.500m2, distingue-se pela complexidade da construção e prima pela funcionalidade, com três espaços dinâmicos – o auditório com 600 lugares, a sala de exposição e o café concerto.

Fundado em 2008, por Bruno André e Francisco Salgado Ré, AND-RÉ é um estúdio criativo que se dedica a uma prática que combina arquitetura design. Com vários prémios e nomeações no currículo, o atelier que tem por base Portugal, está também presente no Brasil, Suíça e Emirados Árabes Unidos.

Foram ainda atribuídas três menções honrosas ao gabinete Rosmaninho+Azevedo – Arquitectos, cuja obra “Centro Interpretativo do Vale do Tua” se distinguiu pela sensibilidade no desenho e pela reinterpretação dos processos construtivos, ao arquiteto Fábio Ferreira Neves, que com obra “Pátio do Meco” demonstrou um exercício de grande abstração e um equilíbrio ao nível das dimensões e proporções e ainda ao arquiteto António José Beça do Fundo Ferreira pelo seu trabalho de investigação, rigoroso e de preservação feito no projeto “Bloco de Costa Cabral – Apartamento 6º Dto.”

Nesta 2ª edição do Prémio Concreta, entraram a concurso 25 obras construídas em território nacional, da autoria de arquitetos portugueses até aos 40 anos de idade.  Com o apoio técnico do Conselho Diretivo Regional do Norte da Ordem dos Arquitetos, o júri foi constituído por cinco especialistas: os arquitetos João Mendes Ribeiro, Teresa Novais, Diogo Aguiar, Luís Pedro da Silva e a engenheira Sandra Pereira.

 

Veja aqui o projeto vencedor.

LINKS
Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

BMI Portugal

Garantimos soluções eficientes para coberturas  

MOON

A única placa de comando em cerâmica.