Estudante de doutoramento da FAUP vence prémio Drawing Matter Writing 2021

Ahmed Belkhodja, estudante do Programa de Doutoramento em Arquitectura da Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP) é o vencedor do Prémio Drawing Matter Writing 2021, na categoria “General Archive, da Drawing Matter.

O texto premiado Itsuko Hasegawa, Capturing an Infinite Distance foi desenvolvido no contexto da Unidade Curricular Opcional do PDA “Afinidades entre Investigação e Projecto. Representação como matéria, processo e comunicação” leccionada pela professora Filipa de Castro Guerreiro.

Ahmed Belkhodja escreve sobre o conjunto de doze diapositivos da arquitecta japonesa Itsuko Hasegawa, de 1985, que integra a coleção do Centro Pompidou.

Ahmed Belkhodja (Lausanne, 1990) estudou na EPF Lausanne, CTH Gothenburg, ETH Zurich, e ETH’s Future Cities Laboratory Singapore. Colaborou com Harry Gugger Studio em Basel, Obra Architects em New York, e com o Atelier Bow-Wow em Tóquio. Após concluir o curso de arquitectura, em 2013, na ETH Zurich, estabeleceu no Porto o atelier FALA com Ana Luisa Soares e Filipe Magalhães. Atualmente desenvolve a sua tese de Doutoramento na FAUP orientada pelo professor Joaquim Moreno.

A Drawing Matter, organização que explora o papel do desenho no pensamento e na prática da arquitectura, é detentora daquela que é considerada a mais extensa e significativa coleção particular de desenhos de arquitetura, integrando material que data do século XVI até aos dias de hoje. Localizada numa quinta em Somerset, Inglaterra, a coleção conquistou visíbilidade através do seu site/repositório, publicações, workshops e, exposições. Com o ‘Writing Prize’, a Drawing Matter convida a olhar cuidadosamente os desenhos e a reflectir sobre o que revelam do processo de projecto e dos edifícios ou objetos que representam.

LINKS
Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE