Ordem dos Arquitectos lança Observatório da Profissão

Categorias: Arquitetura

No âmbito do Observatório da Profissão, é lançado um inquérito dirigido a todos os membros da Ordem dos Arquitectos, que se estende até 15 de outubro, cujo principal objetivo é conhecer a prática da profissão, no momento atual, bem como o estado da Arquitetura, em Portugal.

A Ordem dos Arquitectos (OA), no cumprimento das suas atribuições e com o intuito de conhecer os seus membros, está a promover o Observatório da Profissão. Esta iniciativa, assente num forte compromisso de valorização da Arquitetura, visa entender a realidade da profissão, em Portugal, e as perspetivas para o futuro.

No âmbito do Observatório da Profissão, arranca hoje, e até 15 de outubro, um inquérito aos membros, promovido pela Ordem dos Arquitectos e desenvolvido por investigadores do Centro de Estudos e Sondagens de Opinião da Universidade Católica Portuguesa (CESOP), em que o principal objetivo passa pela recolha sistemática e continuada de dados relevantes, para responder aos desafios que se colocam, neste momento, à Arquitetura e aos arquitetos.

A escassez de informação sobre o exercício profissional dos arquitetos e a prática em Arquitetura que se verificava, até então, vai agora ser colmatada com esta iniciativa. Auscultar a opinião dos arquitetos sobre o estado da profissão é determinante e os resultados obtidos farão a ponte para o futuro, com bases sólidas que poderão facilitar, entre outros temas, a tomada de decisão por parte dos agentes do setor.

Numa segunda fase, este inquérito será também alargado a não membros, diplomados em Arquitetura que não estão inscritos na OA, e a quem também é fundamental dar voz e perceber, nomeadamente, o que fazem no mercado, se trabalham na área, entre outras questões que permitam apontar algumas diretrizes. As conclusões obtidas nos dois inquéritos vão ser conhecidas, no primeiro trimestre de 2023, e os resultados vão constituir o grande alicerce para o futuro da profissão.

Formalizado no final do ano de 2021, o Observatório da Profissão pretende ser um pilar essencial da instituição, estruturante para a ação dos arquitetos e para a Arquitetura, assim como para a afirmação da Ordem dos Arquitectos enquanto agente de promoção da inovação e melhoria das condições da prática da profissão, com impacto em todo o território nacional.

O presidente da Ordem dos Arquitectos, Gonçalo Byrne, à semelhança do lema que defendia, em 2020, quando se candidatou para liderar a OA: “Isto só lá vai com todos”, afirma agora que: “O sucesso do Observatório da Profissão está nas mãos de cada um de nós, profissionais do setor e a participação de todos os membros neste primeiro inquérito é essencial, para conseguirmos fazer um diagnóstico fidedigno, capaz de traçar o perfil dos arquitetos portugueses, compreender o estado atual da profissão e que, posteriormente, permita ainda definir algumas linhas estratégicas determinantes para o futuro e valorização da Arquitetura no nosso país.”

“Num trabalho de estreita parceria com a Ordem dos Arquitectos, identificámos, em conjunto, as perguntas que deveriam integrar a primeira edição deste inquérito, com o intuito de se aferir o estado da profissão, conhecer o perfil dos arquitetos, a sua caracterização sociodemográfica, as condições financeiras e de prática da profissão, entre outros parâmetros igualmente relevantes da realidade deste profissionais e da Arquitetura, em geral.”, refere João António, investigador do CESOP, entidade responsável pela recolha de dados e monitorização dos resultados.

 

O seu contributo é essencial. Participe no inquérito, entre 15 de setembro e 15 de outubro, e dê voz à nossa realidade profissional.

Para mais informações: op@ordemdosdosarquitectos.org

LINKS
Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE