Zaha Hadid vence prémio Stirling pela segunda vez

Categorias: Arquitetura

A arquitecta britânica, de ascendência iraquiana, venceu o Prémio de Arquitectura Stirling 2011 com a escola The Evelyn Grace Academy, em Brixton. Esta foi a primeira vez que uma escola foi distinguida com o prémio e o segundo ano consecutivo de Zaha Hadid, que no ano passado foi escolhida com projecto do MAXXI – Museu Nacional das Artes do Século XXI, em Roma.

 

O nome de Zaha Hadid terá surpreendido muitos, uma vez que o velódromo olímpico, projectado pelo atelier de arquitectura Hopkins, era apontado como o favorito ao prémio que distingue o melhor edifício novo europeu construído ou projectado no Reino Unido. Na shortlist estava ainda o renovado Royal Shakespeare Theatre, em Stratford-upon-Avon.

 

Depois de sete escolas terem constado das lista de finalistas do prémio do Royal Institute of British Architects (RIBA), no valor de 20 mil libras (cerca de 23 mil euros), este ano a The Evelyn Grace Academy, a sul de Londres, tornou-se na primeira construção do género a ser premiada. O júri descreveu o edifício como um “zig zag altamente estilizado de aço e vidro” que “faz com que os estudantes corram pela escola todas as manhãs”.

 

Angela Brady, presidente da RIBA e que presidiu ao júri, elogiou a forma imaginativa como Zaha Hadid desenhou o projecto, que foi “habilmente inserido num local extremamente apertado”.

 

Com 11 mil metros quadrados, a The Evelyn Grace Academy foi projectada para acomodar quatro escolas e um total de 1200 alunos. As “escolas dentro da escola” estão organizadas horizontalmente para evitar a circulação dos alunos entre os andares, sendo que as duas escolas de ensino médio ocupam o primeiro e o segundo andar, as do ensino secundário ficam no terceiro piso, enquanto as instalações desportivas e outras, como laboratórios, ficam no térreo. Embora casa escola tenha acesso independente, todas podem ser alcançadas pelo sistema de circulação central, que passa pela entrada principal. Uma das características mais elogiadas pelo júri é o aproveitamento do espaço, no qual destacam a construção da pista de atletismo projecta no meio da escola e que passa por baixo de uma ponte que une o edifício.

 

“A The Evelyn Grace Academy é um exemplo excepcional do que pode ser conseguido quando investimos cuidadosamente num bem desenhado edifício escolar”, disse Angela Brady à BBC.

 

Para Zaha Hadid esta distinção por uma escola é a prova de que a arquitectura tem um impacto no bem-estar e na educação. “Eu penso que não há dúvidas de que o ambiente tem um impacto em toda a gente, seja numa escola, em casa ou nos hospitais. O bem-estar e a arquitectura estão ligados, não há dúvida”, disse à BBC Zaha Hadid, que em 2004 tornou-se na primeira mulher a vencer o Pritzker, considerado o Nobel da Arquitectura.

 

Galeria
noticias RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Biblioteca BIM Leca ®

»