Casa dos Combatentes

Categorias: Unifamiliar

A intervenção numa habitação geminada, localizada numa zona com tecido urbano perfeitamente consolidado da cidade do Porto, teve como objectivo a simplificação do modo de habitar de uma casa que acusava já a passagem do tempo.

O imóvel existente, assim como as suas áreas anexas refletiam o estilo de vida que a generalidade dos habitantes desta zona da cidade mantinham na década de 60. Interiores bastante compartimentados e zonas estanques na habitação, que pressupunham uma utilização estratificada do interior da mesma.

O piso social, situa-se no rés-do- chão, encerra as funções de cariz mais pública da casa como a sala de estar, sala de jantar, uma copa para refeições rápidas e a cozinha, bem como a caixa de escadas que faz a articulação para os pisos de carácter mais privativo acima e abaixo deste.

Neste piso, os espaços foram praticamente mantidos e atualizados, com exceção da entrada corredor de distribuição, que sofreram a maior intervenção, tendo sido simplificada a sua compartimentação e criado um pequeno volume para receber uma instalação de serviço, que não existia neste piso.

O piso dos quartos, no nível superior, foi totalmente atualizado e redesenhado em torno do espaço de distribuição existente, que pelas suas características entendemos preservar e valorizar, enquanto procuramos distribuir quatro quartos neste piso, sendo que um deles precisava de ser suite e ainda uma casa de banho de apoio arrumados em torno destes espaço central, banhado por uma luz natural intensa.

Num piso semi-enterrado, abaixo do piso social, localizamos uma pequena zona de serviços como a lavandaria e arrumos, e ainda alguns espaços habitáveis, como um pequeno escritório, uma sala polivalente e um quarto, que completam o programa funcional da casa.

A intervenção, introduz cor nos espaços, dotando-os de uma identidade cromática sempre diferente entre si permitindo anular a monotonia cromática que tornava os ambientes existentes bastante escuros, deixando agora a casa ser atravessada pela luz que agora invade todos os espaços refletindo as suas diferentes tonalidades.

No logradouro propusemos a criação de um pequeno anexo para arrumos, que assume aqui a forma do arquétipo de casa, que se funde com o material do pavimento dando uma ideia de continuidade. OO pequeno jardim, recebe igualmente uma pequena piscina, com um pequena plataforma de apoio, deslizante sobre a piscina, tapando-a quando não se está a usar, permitindo assim ampliar o espaço de logradouro e dotá-lo de uma maior polivalência.

Nos dias de hoje, o ato de habitar desburocratizou-se, e a casa é utilizada como um só elemento, com uma utilização transversal em todas as suas áreas. A intervenção realizada cumpriu com esse mesmo objectivo, a simplificação da habitação com a atualização do seu layout interior, para as necessidades dos nosso dias, devolvendo ainda à casa uma relação com os espaços envolventes exteriores há muito esquecida.

TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Projeto

Casa dos Combatentes

Localização
Porto, Portugal

Arquitetos

spaceworkers

 

Arquitetos Responsáveis
Henrique Marques, Rui Dinis Equipe Monica Pacheco, Marco Santos, Marta Silva, Tiago Maciel
Área 
360.0 m2

 

Ano do projeto
2016

Fabricantes

Caixilharia, Iluminação, Climatização, Sistema motorizado da abertura da piscina, Construtor, Cerâmicos
Engenharia 
Adelino Correia, engenharia

 

Fotografias
Fernando Guerra | FG+SG
Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

𝗣𝗼𝗿𝘁𝘂𝗴𝗮𝗹 𝗖𝗢𝗻𝗩𝗜𝗗𝗮 𝗧𝗼𝗱𝗼𝘀

Uma ação informal por um bom motivo

Registe a sua Empresa

Crie a sua conta gratuitamente e promova os produtos da sua empresa.