Casa na Rua Conde Alto Mearim

A pequena e pré-existente Casa na Rua Conde Alto Mearim faz parte de um conjunto de imóveis no centro da cidade de Matosinhos que persistem como memória e identidade da cidade.

A configuração alongada do seu lote contrasta com a dimensão curta e estreita da casa existente. Quando a descobrimos, a casa encontrava-se degradada e o seu corpo principal projectava-se para o logradouro através de vários anexos consecutivos com espaços de quartos e salas diminutos e interiores, sem iluminação nem ventilação natural.

Com o intuito de manter a memória que perpetua, deixámos prevalecer o corpo principal da casa criando os ajustes necessários na sua compartimentação. O ponto de acesso à casa foi mantido e é a partir deste que se lança o eixo principal de circulação e extensão da casa na sua profundidade. Anteriormente construído na sua totalidade, o logradouro apresenta agora dois espaços de pátio que permitem manter todos os espaços sociais com uma relação franca com o exterior ajardinado que participa directamente no ambiente do edifício e se estende até à cobertura vegetal, não praticável, sobre a construção serpenteante no logradouro. Já no primeiro piso localizam-se os espaços privados da habitação. O acesso a estes está pontuado por momentos de pé-direito duplo em relação com os espaços no piso inferior e também por aberturas que criam vistas transversais entre diferentes espaços e acentuam a profundidade da composição.

Construtivamente, se por um lado procuramos manter as técnicas e os materiais existentes no volume principal e existente da casa, na sua nova extensão na área tardoz assumimos os elementos novos em betão. Há contudo uma contaminação de cores e materiais entre o pré-existente e o novo, como se de um organismo vivo se tratasse. O betão contaminou a fachada principal, no redesenho necessário para introdução do vão de acesso à garagem e à sua integração com o espaço de entrada, aparecendo contudo numa lógica mimética do sistema tectónico existente. O ocre, proveniente do terreno argiloso, contaminou a cor dos muros existentes que circundam o lote e surge também na cor da betonilha do pavimento térreo. A cor, o verde, que pontuava inicialmente apenas o alçado principal, transitou também para o alçado tardoz e os alçados que circundam os pátios e também para as carpintarias interiores trespassando todos os espaços.

TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Projeto
Casa na Rua Conde Alto Mearim

Localização
Rua Conde Alto Mearim, Matosinhos, Portugal

Arquitetura
depA architects

Especialidades
Armanda Santos

Construtora
FL Construções

Fotografias
José Campos

Ano
2020

Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Jooble

Mais de 2 mil vagas para arquitetos no Brasil

Registe a sua Empresa

Crie a sua conta gratuitamente e promova os produtos da sua empresa.