Fábrica Ceramitur

Categorias: Multifamiliar

A concepção deste conjunto habitacional passou pela reabilitação de uma antiga fábrica de tijolo que, com a respectiva chaminé, constituía uma memória de um passado recente da cidade de lagos. procurou reflectir uma forte unidade e identidade associada a uma imagem de contemporaneidade e elevada qualidade arquitectónica em consonância com o edificado já existente na marina adjacente.

Conciliando as características arquitectónicas da estrutura pré-existente com as dos edifícios propostos de raiz, que adoptaram uma linguagem contemporânea e arrojada, buscou-se uma unidade e identidade através da utilização de materiais aplicados nos três blocos, nomeadamente o uso

de elementos de cerâmica.

A reabilitação da fábrica foi efectuada através da manutenção das características essenciais do edifício, nomeadamente as suas reminiscências industriais, mantendo e recuperando, exteriormente, três das fachadas do edifício, e conservando a chaminé como elemento icónico do conjunto. no interior, o restauro parcial do antigo forno define e caracteriza as zonas de uso comum.
Na reformulação da fachada principal pretendeu-se uma certa desmaterialização proporcionada pelo recuo do plano de fachada que, concebida com grandes aberturas, faz sobressair a estrutura de pilares de tijolos cerâmicos cuja verticalidade foi equilibrada pelas linhas horizontais formadas pela criação de generosas varandas viradas a sul, integradas nos limites do edifício. 
A concepção dos outros dois blocos cria um enquadramento contemporâneo à reabilitação aplicada no edifício da antiga fábrica. ambos apresentam uma linguagem comum ao nível dos pisos da habitação, sendo estes enquadrados numa “caixa” de cor branca. 
O bloco c constituiu um desafio em termos da integração global da solução. o “embasamento” é ocupado pelo estacionamento, alinhado em altura com o edifício da fábrica, e objecto de um tratamento de fachada eminentemente vegetal.

É coroado por um volume destacado, sobre pilotis, completamente aberto para sul e caracterizado por amplas e contínuas varandas que permitem desfrutar de uma vista total sobre a marina de lagos. 
Os espaços exteriores, totalmente pedonais, nascem da relação intersticial entre os volumes edificados, destinam-se a uso dos moradores, e foram sujeitos a um cuidadoso tratamento paisagístico. o seu tratamento contempla a criação de elementos arbóreos de enquadramento e estabelecimento de cortinas verdes de protecção relativamente aos lotes contíguos e às vias circundantes.
TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Arquitectura 
nla – Nuno LeónIdas arquItectos, lda. – Nuno Leónidas, Vasco Leónidas, Duarte Tenera

PDFS
Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

𝗣𝗼𝗿𝘁𝘂𝗴𝗮𝗹 𝗖𝗢𝗻𝗩𝗜𝗗𝗮 𝗧𝗼𝗱𝗼𝘀

Uma ação informal por um bom motivo

Registe a sua Empresa

Crie a sua conta gratuitamente e promova os produtos da sua empresa.