Museu Damião de Góis e as Vitimas da Inquisição

Intervir num edifício existente é por si só um bom desafio, quando à pré-existência juntamos séculos de história o desafio é ainda maior. A intervenção centra-se na criação de uma estrutura expositiva, alusiva à vida e legado histórico de Damião de Gois, no interior de uma antiga igreja, recuperada, em Alenquer. A igreja, agora esvaziada dessa mesma função, funciona como um espaço “contentor” com uma identidade muito própria, marcada pela geometria dos seus tectos abobadados e pela textura das suas paredes de tijolo, de grande valor plástico.

A proposta procura, precisamente valorizar as características plásticas do espaço, e minimizar o seu impacto na pré-existência, respeitando o existente, afastando-se das paredes, procurando uma posição central no espaço, assumindo uma geometria que é familiar ao edifício, originada pelo paralelismo às formas do tecto e paredes, capturando a configuração do vazio existente numa espécie de núcleo, de cor escura, fragmentado, que recebe e organiza a exposição e os visitante.

Este núcleo, apesar de fragmentado, confere ao visitante uma ideia de continuidade virtual, onde os seus vazios são entendidos como momentos de pausa e de contemplação do existente e como momentos de penetração no interior do núcleo, explorando esta relação ancestral de interior e exterior, que nos fascinou desde o início do projecto.

O espaço expositivo assume-se como um elemento negro, delicado, que convida à sua descoberta e que se destaca do restante cromatismo do espaço existente, sem nunca se sobrepor a este mas sem perder as suas características espaciais.

TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Projeto

Museu Damião de Góis e as Vitimas da Inquisição

Cliente

Município de Alenquer

Localização

Alenquer, Portugal

Arquitetos

spaceworkers

Arquitetos Responsáveis

Henrique Marques, Rui Dinis

Equipa

João Ortigão, Marco Santos, Tiago Maciel

Área

175.0 m2

Ano do projeto
2017

Design de Mobiliário
Bairro Design®

Diretor Financeiro
Carla Duarte – CFO

Museografia – Conceito e Coordenação
Glorybox, lda

Museografia – Design Gráfico
Paulo Passos/Napperon

Museografia – Pesquisa e Produção de Conteúdo
Maria José Pimenta Ferro Tavares, Paulo Celso Fernandes Monteiro

Museografia – Montagem
Glorybox, Lda., Eon- Industrias Criativas, A.M.S. Publicidade.

Multimédia – Coordenação
Eon- Industrias Criativas

Multimédia – Concepção, Ideias e Scripts
Paulo Celso Fernandes Monteiro

Multimédia – Coleta de Imagens
Paulo Celso Fernandes Monteiro

Aplicações Multimédia
Eon, Industrias Criativas, Lda M&A Digital, Lda.

Fotografias
Fernando Guerra | FG+SG

FOTOGRAFADO POR
Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE