Rainha Dona Amélia

O primeiro andar de um edifício situado na Avenida Rainha Dona Amélia, um apartamento de fraca qualidade construtiva e espacial, potenciada pelas intervenções pobres e descuidadas levadas a cabo ao longo dos anos. Apesar de se desenvolver longitudinalmente não carecia de iluminação natural – ainda que os materiais e soluções construtivas não permitissem o aproveitamento do seu potencial – possibilitava o bom aproveitamento das áreas e tinha a mais valia de possuir um grande terraço – totalmente desaproveitado.

A encomenda do cliente centrou-se na necessidade de preparar o apartamento para a chegada de um novo membro da família, aumentar exponencialmente a capacidade de arrumação dos espaços, tornar o apartamento funcional por forma a responder a novas necessidades, potenciar o aproveitamento da iluminação natural e, não menos importante, ser pet friendly.

O grande desafio passou pela criação de arrumação nos dois quartos, resolvida pela modificação da parede separadora dos espaços pronta para receber dois roupeiros embutidos adaptados às necessidades de cada quarto, e o aproveitamento das zonas mortas, desenhado por forma a oferecer diferentes tipos de arrumação e usos.

O alargamento do corredor potenciou que a iluminação natural invadisse a zona central do apartamento e constituiu o primeiro passo para a reorganização da instalação sanitária principal e a criação de uma outra que servisse a suite.

A zona da sala e cozinha manteve-se aberta e optou-se por reformular o alçado virado para o terraço situado na zona tardoz do edifício por forma a potenciar a entrada de luz natural – pela modificação das caixilharias – e criar uma relação com o espaço exterior que viria a ser devidamente tratado e arranjado. Nesta zona criaram-se três áreas distintas, a cozinha e lavandaria totalmente funcional e adequada às necessidades diárias dos clientes, uma zona de estar e uma zona dedicada aos animais da casa – desenharam-se zonas de refeição para cão e para gato, um pequeno playground e uma zona para receber a caixa de areia e outros utensílios.

A inexistência de matéria de relevo no que a materiais pré-existentes diz respeito abriu caminho à nossa liberdade criativa e à experimentação – era nosso objectivo simplificar o espaço e torná-lo pet e children friendly sem perder a jovialidade própria de uma recém família, a praticidade do uso diário de cada espaço e da sua manutenção. Optámos pela aplicação de tons claros e neutros na maioria dos espaços por forma a potenciar a iluminação natural de cada ambiente e fazer apontamentos pontuais de cor que conferem ao apartamento uma leveza e relação directa com as cores do jardim criado no terraço exterior.

Conseguimos articular a adaptação do espaço a nova e importante fase da vida dos clientes ao mesmo tempo que desenhámos um espaço divertido, contemporâneo, amplo e funcional, preparado para receber o novo membro da família.

TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Projecto
Rainha Dona Amélia

Localização
Lisboa, Portugal

Arquitetura

b r ɑ v ɑ ᵃᵗᵉˡⁱᵉʳ

Fotografia
Nuno Almendra

Área total construída
120m²

Ano de conclusão da obra
2020

Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Subscrever Newsletter

Já subscreveu a nossa newsletter?