Casal de Ermio

A casa de Casal de Ermio encerra em si a fusão entre dois tempos distintos, mas que se encontraram numa intervenção
de reconstrução e ampliação que adotou como premissa a memória do lugar.

No local, uma pré-existência de moradia em pedra já em ruína foi o mote para uma conceção arquitetónica que pretendia
uma harmoniosa convivência entre elementos e opções contemporâneas sob pano de fundo de um local com memória a
ser salvaguardada, numa envolvência de ambiente rural e mancha edificada dispersa.

A ruína existente correspondia a uma moradia organizada em dois pisos e com vestígios de cobertura em telha cerâmica.
Conceptualmente, as paredes de grande espessura de pedra sobre as quais se erguia a casa antiga mantiveram-se
como elemento fundamental da nova imagem arquitetónica do construído. Os seus limites de implantação foram
conservados enquanto muros de imponente presença, assim como parte das paredes a norte e a oeste.

O novo desenho da proposta para moradia de tipologia T2 assentou na criação de dois volumes distintos: um deles com
o aproveitamento das paredes espessas de pedra pré-existentes e cobertura de duas águas com organização funcional
de espaços sociais de sala de estar, jantar e cozinha; o outro volume, de linhas depuradas com cobertura plana, onde
se reúnem os espaços destinados aos dois quartos da habitação.

Os volumes, assumidamente diferenciados, estão unidos por um terceiro volume mais baixo e que permite marcar a
entrada na casa, sendo este elemento o elo discreto entre programas funcionais do conjunto edificado.

A sul, a casa rasga-se em vãos generosos voltados para a zona ajardinada e de logradouro com frente para a via que lhe
dá acesso – Rua da Tábua. Desta forma, todos os espaços garantem a entrada de luz natural e a relação direta, física e
visual, com o exterior envolvente à moradia.

O assumir dos materiais e o preservar das memórias de vivências antepassadas proporcionaram uma natural fluidez e
envolvência da nova intervenção sobre o existente.

TAGS
LINKS
FICHA TÉCNICA

Projecto
Casal de Ermio

Localização
Lousã, Coimbra, Portugal

Arquitetura
Melanda Architects

Arquiteto responsável
Mário Melanda

Colaboradores
João Almeida, Luís Lima, Rita Amorim, Mariana Batista, Pedro Bóia

Engenharia
Sofia Matías, Hugo Marques

Construtor
Espaço Obra Portugal, Lda

Ano de Construção
[2015 – 2016]

Galeria
projetos RELACIONADOS
PUBLICIDADE

Goma by Flowco

Azulejos ecológicos fabricados em Portugal